sábado, 6 de maio de 2017

Instalada comissão especial para propor mudanças no sistema penitenciário brasileiro

Instalada comissão especial para propor mudanças no sistema penitenciário brasileiro

O relator do colegiado, deputado Robinson Almeida (PT-BA), esteve Com a Palavra para discutir o tema, os objetivos e desafios da comissão.
Cadeias precárias e superlotadas. Este é o cenário que quase 650 mil pessoas presas no país se veem obrigadas a conviver em penitenciárias sem estrutura e dominadas por facções criminosas de norte a sul.
Um levantamento do Conselho Nacional do Ministério Público, de 2015, revela que o Nordeste é a região com maior taxa de ocupação do país. São quase dois homens presos por vaga.
Nesses ambientes insalubres, o crime organizado encontra espaço para fortalecer e desenvolver suas atividades. São das cadeias que as facções planejam e executam planos de venda e distribuição de drogas, além de serem locais propícios ao aliciamento de novos traficantes.
Em busca de alternativas para mudar essa difícil realidade, a Câmara instalou uma comissão especial que vai propor medidas para modernizar e reestruturar o sistema penitenciário do país.
O relator do colegiado, deputado Robinson Almeida, do PT da Bahia, esteve Com a Palavra para apresentar os detalhes. Como diagnóstico do problema, o parlamentar cita a péssima política prisional, a má gestão e o domínio das facções nos presídios. E, para solucionar a questão, Robinson Almeida afirma ser necessário um melhor planejamento envolvendo o Executivo e o Judiciário, que tem a responsabilidade de acelerar os processos dos presos provisórios, cujo índice é de 40% no Brasil.
Ouça a entrevista completa.http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/radio/materias/COM-A-PALAVRA/533037-INSTALADA-COMISSAO-ESPECIAL-PARA-PROPOR-MUDANCAS-NO-SISTEMA-PENITENCIARIO-BRASILEIRO.html
Apresentação – Elisabel Ferriche e Marcio Achilles Sardi

Nenhum comentário: