segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

LUTO - AGENTE PENITENCIÁRIO FOI MORTO PERTO DO PRESÍDIO DE JANAÚBA

Agente penitenciário é assassinado a caminho do presídio em Janaúba

Agente seguia para o trabalho a pé e foi morto com um tiro.
Polícia registrou outros dois homicídios na cidade; PC investiga os casos.

Juliana PeixotoDo G1 Grande Minas
Três homicídios foram registrados em Janaúba, no Norte de Minas, em menos de 12 horas. Uma das vítimas é um agente penitenciário, de 42 anos, que foi morto quando seguia para o serviço na noite dessa segunda-feira (06). Ninguém foi preso até o momento. Por telefone, a assessoria de comunicação da Polícia Civil informou que os casos estão sendo investigados e podem ter ligação.
Agente (Foto: Reprodução/ Inter TV)Agente foi morto com um tiro na região da cabeça
(Foto: Reprodução/ Inter TV)
De acordo com a Polícia Militar, o agente estava a pé e foi atingido por um tiro na região de trás da cabeça. Pessoas que passavam pelo local contaram aos militares que ouviram barulhos de tiros e perceberam que dois homens fugiram em uma motocicleta alta.
A polícia informou que depois de atirarem contra o agente os criminosos efetuaram um tiro na guarita do Presídio e ninguém foi ferido. Dois homens foram apontados como suspeitos do crime, porém ainda não foram encontrados. A PM informou que eles saíram do presídio há menos de um mês.
Durante rastreamento, a polícia localizou uma motocicleta abandonada em um matagal, que pode ter sido utilizada no crime. Embaixo do banco, foram encontrados o documento do veículo e um cartão bancário.
Em nota, a Secretaria de Estado de Administração Prisional (SEAP) informou que o agente Osni Oliveira Santos ia assumir o plantão no presídio e estava uniformizado quando foi morto. Ele era contratado e trabalhava no Sistema Prisional desde 2009, em Janaúba.
A Seap esclareceu ainda que o motivo e as circunstâncias da morte serão investigados pela Polícia Civil. O corpo do agente está sendo velado em Montes Claros e será enterrado no final da tarde dessa terça.

Nenhum comentário: